Sábado, 05 Agosto 2017 15:46

Papa elogia obra dos Cavaleiros de Colombo no Oriente Médio

Escrito por Jornalismo
Avalie este item
(0 votos)
Papa elogia obra dos Cavaleiros de Colombo no Oriente Médio Lancio Grande Fratello

Cidade do Vaticano (RV) – Com uma mensagem assinada pelo Cardeal Pietro Parolin, Secretário de Estado, o Papa Francisco enviou a sua saudação aos integrantes da Ordem dos Cavaleiros de Colombo, reunidos na 135º Assembleia anual em St. Louis (EUA) de 1° a 3 de agosto.

 

O tema do encontro deste ano, “Convencidos do Amor e do Poder de Deus” aborda a fonte íntima da missão e da vida de toda a vida cristã: a certeza do amor salvífico de Cristo, “um tesouro de vida e de amor que não pode enganar, uma mensagem que não pode manipular nem desiludir”. (Evangelii Gaudium, 265).

A mensagem refere que “esta mesma experiência do amor e do poder de Deus, vivido no coração da Igreja, levou à fundação dos Cavaleiros de Colombo como uma união fraterna e caritativa de leigos católicos, trabalhadores, maridos e pais”.   

A guerra em pedaços e o combate à indiferença

Muitas vezes, o Papa observou que, em nossos dias, uma guerra mundial fragmentada está sendo travada, uma vez que a sede impetuosa de poder e dominação, seja econômica, política ou militar, está gerando violência, injustiça e sofrimentos incontáveis em nossa família humana. O Papa pede aos cristãos em todos os lugares que rejeitem esta mentalidade e combatam o crescimento de uma cultura global de indiferença que descarta os nossos irmãos e irmãs menores.

“Que os Cavaleiros, em suas famílias, paróquias e conselhos locais, respondam generosamente a este desafio e ajudem a estabelecer bases sólidas para a renovação da sociedade como um todo, trabalhando para mudar os corações e construir a paz”.

O compromisso da Ordem no Oriente Médio

O Papa transmite ainda sua gratidão aos Cavaleiros de Colombo pelo suporte que oferecem aos irmãos e irmãs do Oriente Médio: “Nenhum de nós pode ficar cego aos sofrimentos daqueles a quem a violência fratricida e o fanatismo religioso deixaram sem-teto ou forçados a fugir de suas pátrias”.

“O Fundo de Auxílio aos Refugiados dos Cavaleiros de Colombo é um sinal eloquente do firme compromisso da Ordem com a solidariedade e a comunhão com os nossos irmãos cristãos. O Santo Padre, uma vez mais, pede aos Cavaleiros e suas famílias que rezem pelos necessitados, pela conversão dos corações e pelo fim da espiral de violência, ódio e injustiça nessa região”, finaliza a mensagem.

Com estes sentimentos, o Papa assegura suas orações aos membros da Ordem e seus familiares, concedendo-lhes a sua bênção. 

Fonte

Lido 36 vezes Última modificação em Sábado, 05 Agosto 2017 16:06